Terça-feira, 23 de Setembro de 2008

rascunho de mim...

Já lá vão 4 anos e uns meses desde o dia em que finalmente decidi sair "debaixo da saia da mamã".

É verdade, já fazia anos que dizia que o iria fazer, mas hoje tenho a certeza que na altura não sabia do que estava a falar!...talvez fosse para magoar, não sei...

Foi nos finais de Junho, pleno Verão e Euro 2004...Loucura! Lembro-me perfeitamente que a cidade do Porto estava ao rubro...andava tudo nas ruas, todas as noites eram noites de diversão,!

(não sei bem o dia ao certo, mas tenho a certeza que a minha mãe sabe lol)

Tinha acabado de arranjar o meu primeiro emprego  sério, visto que todos os anos no Verão ajudava os meus pais, acabando por não gozar as Ferias no verdadeiro sentido da palavra!

Era muito menina, e pouco sabia sobre as realidades da nossa sociedade,

a noite, as ruas, as prostitutas e os travestis por todo o lado... o movimento dos carros nos bares de alterne, os grupos ou gangs e a droga a rolar mesmo á minha frente...eram tudo coisas que conhecia mas de nome, de ler ou ouvir... não a sua realidade....o ver e o estar lá....

Hoje, sei uma coisa, o quanto deve ter custado aos meus pais deixarem-me ir, mas não havia nada a fazer, era a minha vontade e ninguém me detinha!

Tenho que admitir que foi muito, mas muito difícil, fui dia após dia aprendendo a lidar com as minhas próprias decisões!

Sabia tratar de mim, cozinhava bem, tratava das roupas, (claro está que o meu quarto sempre foi uma valente confusão mas isso já é de mmim lol) mas viver sozinha é muito mais que isso!

deparamo-nos com cada situação na vida, e metemo-nos em cada alhada, (enfim, é melhor nem pensar...) mas a vida continua e não vale a pena arrependimentos, é curta demais para isso!!!

Habituei-me á solidão que também só conhecia de nome, no inicio, até me habituar foi muito doloroso acreditem, guardo em memória as muitas vezes que me senti sozinha, entre quatro paredes, olhando pela pequena janela a chuva a cair lá fora, e sentia as lágrimas correrem pelo rosto.... recordações, menos boas mas recordações....

Há quem diga que foi um reboliço, para mim, foi apenas o querer viver tudo que não tinha vivido! Sempre me privaram da realidade, para me proteger, eu sei....mas isso acabou por me tornar ainda mais curiosa, e frágil para a vida...

a Filipa que me tornei, não é nem de longe parecida com a a filipa que era á quatro anos atrás...

 

 

 

 

 

                                                                   ...TO BE CONTINUA...

                                                         ...um dia, se me apetecer.... hihihi

 


publicado por crazyyy às 15:28
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De joana_dreams a 24 de Setembro de 2008 às 14:58
lindo o teu texto!!
nota-se que passaste muito na vida, mas tens o orgulho de ter conseguido as coisas com o teu esforço.
Quando dizes que não és a mesma pessoa de há 4 anos atrás, foi aquela pessoa que te tornou naquela que és hoje!!!
Espero é que a mudança tenha sido pra melhor loloolololol :p
bjnhos!!

fico à espera da parte 2 ou 3 ou 4 loloolol


De Aninhas a 24 de Setembro de 2008 às 23:11
Prometi que iria escrever-te algo sentido, nada mais oportuno que este post...a realidade do que passas-te é a real pessoa que és hoje!A todos os momentos que por tua escolha ou ao acaso te diferenciaram e te tornaram o ser maravilhoso que és!Não podia estar mais de acordo com os tempos e desejos de menina que nos levam a encrusilhadas e descobrimentos que nos tornam em mulheres...de formas diferentes partilhamos ideais e retiramos de todas as situações(boas ou más) lições de vida.Podemos dizer que apesar de a idade ainda não pesar, a vida já pesou e hoje deparamo-nos com o presente, vivemos e apreciamos as boas, as realmente boas coisas que a vida nos dá.Olhamos para o passado sem mágoas e não esperamos pelo futuro...simplesmente vivemos,amamos, brincamos, aprendemos, brindamos...a tudo a que o presente nos oferece!Assim amiga são realmente as lições e vivências do passado que nos tornam o que somos, mas somos nós que temos o poder de escolha de nos tornarmos quem somos e de sermos fieis, honestos e leais primeiro com nós próprios depois com as pessoas que atraímos para a nossa vida...como tu, apareces-te na minha vida e em pouco tempo soube que já dela não sais...



















































































































































































































































































Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

 

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Acredito que...

. Para ti

. Caro Colega.

. Acabou!

. Mais uma vez, especialmen...

. Vi por aí... aplica-se à ...

. Li por aí...

. Sim, é para ti!

. ADORO...

. Onde é que este mundo vai...

. Cá está...

. Fogo!

. Rascunho...

. Quero provar!

. Sugestão do dia ;)

. Obrigada Sandra!

. Dia da crinça!

. De ti, para mim...

. Ouve e vibra!

. Vou ter um!

. Hoje, para mim, é dia...

. Já lá vão 23....

. Já escolhi!

. ...

. De mim...

. Disseram-me isto, hoje pe...

. Só...

. Olha,

. Estou Viva!!!!

. Será que foi desta...

. Sabem que mais....

. Uma dica ;)

. Às vezes, gosto de olhar ...

. Nova Moda!

. Amo como Ama o Amor

. Lá lá lá Vou à queima Lá ...

. Coisas que me ocorrem....

. Toca a trabalhar...

. Ora Viva....

. Basta um olhar...

. Querida Anónima Raquel...

. Fui mas voltei...

. Meu Amor...

. Sou eu!

. Eu Filipa, me confesso......

. Estava a pensar...

. De luto...

. Se......

. rascunho de mim...

. Olha que....

.arquivos

.Gente porreira

RSS